Logo ME

Como funciona um spray?

Spray_cans

SENTINDO A PRESSÃO

Quando a válvula é pressionada, o líquido do frasco entra em contato com a pressão ambiente pelo bico. A pressão interna diminui e ele se expande, seguindo por um tubo plástico até ser pulverizado em alta velocidade. O fundo côncavo da lata garante que a expansão do gás não a deforme

MIX DE FLUIDOS

A lata contém dois líquidos: o propelente e o produto – que pode ser tinta, repelente, desodorante etc. O propelente é um gás – em forma de líquido por causa da alta pressão interna –, que se expande quando a válvula é acionada. Sua função é carregar o produto para fora do recipiente

SIGA AS INSTRUÇÕES

O “agite bem antes de usar” inscrito nas latas não existe à toa. O barulho que se ouve ao chacoalhar é uma pequena bolinha de metal que ajuda produto e propelente a se misturarem, fazendo com que sejam expelidos na mesma proporção. A lata fica geladinha por causa da transformação do propelente de líquido em gás

ECOLOGICAMENTE CORRETO

Os sprays usam como principal propelente o gás liquefeito de petróleo (GLP). Até os anos 80, era usado somente o CFC (clorofluorcarbono), propelente mais leve que subia até a camada de ozônio, reagindo com suas moléculas e destruindo-as. O GLP, mais pesado, é menos agressivo

DESODORANTE É PARA OS FRACOS

Veja os usos mais bizarros do spray

Vestuário

Pra quem quer variar o guarda-roupa, vale testar o Spray-on Clothing. Ele despeja sobre o corpo fibras sintéticas que formam uma espécie de malha. Para tirar é só puxar

Proteção sexual

A camisinha do futuro, ainda em fase de teste, é a Jolly Joe. Um tubo deposita uma fina camada de látex líquido sobre o pênis, que demora 3 minutos para secar

Impermeabilizante

Meias molhadas não serão mais problema em dias de chuva. Basta um jato de NeverWet para qualquer superfície ficar à prova d’água e de outros líquidos

CONSULTORIA Claudio Furukawa, do Instituto de Física da USP