Logo ME

Como ler e interpretar as linhas da palma da mão?

Há linhas que denotam a inteligência, o lado afetivo e até a longevidade da sua vida. Algumas das linhas só poucas pessoas têm

Quem pensa em quiromancia (a arte de ler as mãos) imagina logo uma cigana. Mas a origem é bem mais remota: a prática começou há mais de 4 mil anos, segundo manuscritos encontrados no Egito, na Índia e na China. A técnica sobrevive até hoje por ser uma das mais fascinantes – e fáceis. Afinal, você só precisa da própria mão (aquela que usa para escrever) para tentar entender o que vai acontecer ao longo da sua vida. E a interpretação evolui com o tempo, conforme novas linhas surgem ou velhas se aprofundam. Descubra, a seguir, o significado dos principais vincos.

Linha da cabeça

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Representa a inteligência e a saúde mental. É considerada a parte visível do cérebro humano. O comprimento é proporcional à capacidade de memória e raciocínio. Gente com a linha curta é mais prática e menos racional. Já a grossura indica criatividade e concentração. Distraídos e pouco empenhados têm a linha fina ou com interrupções.

Linha do coração

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

É nela que você lê como será seu lado afetivo e suas relações pessoais. É longa? Então você é equilibrado e amável. O oposto, uma linha curta, indica alguém que não expressa os sentimentos. A grossura também importa: quanto mais fina a linha, mais você é romântico e dedicado ao relacionamento. A conexão com o monte de Júpiter sinaliza que você é um eterno conquistador. Já se a conexão for com o monte de Saturno, é indício de ciúme exagerado. E mais uma coisa: se elas se une com a linha da cabeça, a pessoa é insegura, misturando razão e emoção como forma de se proteger.

Linha da vida

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Indica longevidade, a saúde e os acontecimentos mais marcantes da sua existência. Quanto mais longa, mais você irá viver. Mas uma linha curta não indica morte prematura! Você só precisa tomar cuidado com a saúde. Já a grossura é proporcional à força da personalidade. Se for fina, revela uma pessoa flexível, talvez indecisa. Se a linha da vida se unir à linha da cabeça, é indicação de uma pessoa racional, que gosta de ouvir a opinião de todos. Se forem separadas, isso denota independência e autonomia.

Linha de Marte

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Só 50% têm. É um símbolo de vitalidade, fidelidade e coragem. As bem marcadas pertencem às pessoas capazes, ativas, daquelas que fazem as coisas acontecer.

Linha do casamento

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Feche o punho. Cada traço formado indica um grande relacionamento. Se for perto da linha do coração, você irá se casar cedo. Perto do monte de Mercúrio, só depois dos 29.

Linha de Apolo

(Zé Otávio/Mundo Estranho)

É raríssima: só 25% das pessoas têm. Denota sucesso e equilíbrio em todos os âmbitos da vida. Se a sua é fraquinha, ainda é sinal de triunfo – mas cheio de altos e baixos.

Linha de Mercúrio

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Presente em apenas metade da população. Quando é contínua (ou totalmente ausente), indica boa saúde. Agora, se a sua tem várias falhas… Que tal fazer um check-up?

Linha do destino

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Também conhecida como linha da sorte, só 60% da população tem. Mostra o lado profissional, as dificuldades e o seu padrão de vida. Quanto mais grossa, melhor.

Acidentes de percurso

Aprenda a ler os diferentes tipos de traçado

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

 

CORRENTE – Elos, ou “ilhas”, indicam desilusão no campo governado por aquela linha

SEGUIMENTO – Se o vinco parece continuar num percurso paralelo, indica um período de mudanças – mas sem perdas

SECÇÃO – Períodos de mudança com perdas são representados por um pedaço faltando

BIFURCAÇÃO – Essa é óbvia: simboliza um momento de indecisão, dúvida, na sua vida

PONTO – Representa uma doença ou acidente

Meus dedinhos

Formato dos dedos pode contar mais sobre seu futuro

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Mínimo (MERCÚRIO) – Se ele ultrapassa a primeira falange do anular, você é uma pessoa comunicativa e otimista

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Anelar (APOLO) – Seu tamanho revela a inclinação às artes e à reflexão. Se for igual ao indicador, indica senso de justiça

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Médio (SATURNO) – Se é longo, a pessoa luta por seus ideais. Se é curto, prefere viver a seu modo, sem ligar para a sociedade

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Indicador (JÚPITER) – É maior que o anelar? Você tem ambição e gosta de liderar. Menor? Então você prefere obedecer

(Zé Otavio/Mundo Estranho)

Polegar (VÊNUS) – Se ele dobra fácil para trás, você tem jogo de cintura. Rigidez é sinônimo de teimosia (e de honestidade)