Mundo Estranho

Como funciona um quartel do Exército?

por Gabriela Portilho | Edição 83

como-funciona-um-quartel-do-exercito

 

Embora existam quartéis especializados em diferentes funções, a estrutura e a rotina deles são basicamente as mesmas. "O quartel funciona como uma empresa, com seus vários departamentos administrativos, mas com a particularidade de incorporar atividades esportivas, cívicas e, claro, militares. Todos saem com alguma formação profissional, por causa das atividades que desenvolvem aqui dentro", diz a capitão Marília Villasbôas, do 2º Comando Militar do Sudeste, em São Paulo. Sim, meu caro, é uma capitão - ou você acha que quartel é só lugar de macho? :P

ORDEM E PROGRESSO

Além de exercícios de guerra, a rotina nos quartéis inclui desde treinamento físico até aulas de etiqueta

BOM DIA, VIETNÃ

Às 6 da matina, o toque da alvorada bota todo mundo de pé. Os soldados têm 20 minutos para se aprontar e seguir para o café-da-manhã. Mas apenas quem estava de serviço toma o café na caserna. A maioria só chega ao quartel às 8 da manhã, quando começa o expediente.

PROIBIDO MATAR AULA

Pela manhã, os recrutas têm aulas teóricas nas chamadas salas de instrução. É lá que eles aprendem sobre os mais variados temas, como manuseio de armas, técnicas de sobrevivência em campos de batalha e - no melhor estilo "os brutos também amam" - até mesmo regras de etiqueta

SOLDADINHO DE CHUMBO

Para ficar com o físico em cima, além de ralar nas flexões e abdominais no pátio, os soldados praticam atividades esportivas, como natação e corrida, em ginásios ou pelas ruas - nem as mulheres escapam dessa, mas os exercícios são diferenciados. Em alguns quartéis, ainda rolam aulas de defesa pessoal.

COME TUDO, ZERO DOIS!

Preparado pelos próprios soldados, o "rancho" - bem basicão, tipo um PF - é o mesmo para todos, sendo servido à vontade. Os oficiais podem almoçar junto dos recrutas ou separados, em mesas menores. Em alguns quartéis há opções de comida para vegetarianos ou pessoas com dieta especial, como diabéticos.

MOMENTO FASHION

Após o rango, muitos aproveitam para aparar a "cabeleira" no barbeiro ou ajustar a farda no alfaiate. O "spa" do quartel tem até manicure para as mulheres. "O cuidado com a aparência é mais uma questão higiênica que estética, pois o asseio é vital para a vida em grupo", diz o coronel Antônio Cezar Baus, do 8º Batalhão da Polícia do Exército de SP.

MARCHA, SOLDADO

Na ordem-unida são treinados os detalhes da "coreografia" militar, como posições de arma e tipos de marcha. É só aí que os recrutas portam fuzis - depois, eles são guardados na reserva de armas. Os treinos de tiro, em geral, rolam fora, em campos do Exército.

TOQUE DE SILÊNCIO

A maioria dos soldados se manda pra casa após o expediente. Só os que estão em serviço dormem no quartel. Mas não é, digamos, um "sono dos justos": ao longo da noite, os recrutas se revezam nas torres de guarda e nas rondas

TREINAMENTO DE GUERRA

Algumas vezes por ano, os recrutas vão para um campo do Exército, onde vivem seus dias de Rambo. Nos exercícios de guerra, eles têm de fazer de tudo: rastejar na lama, pernoitar dentro de pântanos, atravessar túneis de gás e até caçar o próprio alimento. E é bom fazer tudo direitinho - ou pode sobrar o olho da galinha pra alguém...

ESCOLHA SUA CARREIRA

Fora o treino militar, todos aprendem uma atividade profissional - os recrutas recebem um salário mínimo por mês. "Se algum serviço precisa ser feito no quartel, todos têm que ajudar", diz a segundotenente Lílian Novais, do 8º Batalhão de SP. E tem trabalho pra todo gosto: de marcenaria e mecânica a administração.

PARA TODO GOSTO

Veja quais são os principais tipos de caserna

INFANTARIA

Forma a tropa de frente. "Eles veem a cor dos olhos do inimigo", brinca o subtenente Flores, do 8º Batalhão

CAVALARIA

São os quartéis onde rola o treinamento com carros de combate blindados

ARTILHARIA

A especialidade aqui são os canhões e outras armas pesadas, como obuseiros

ENGENHARIA

É especializado em ações estratégicas, como erguer pontes e limpar campos minados

TRAJE A RIGOR

Mínimos detalhes fazem toda a diferença no visu do soldado

CABELOS E BARBA

Têm de ser sempre curtos ou, no caso das mulheres, presos. Os homens também devem estar barbeados

INSÍGNIAS

Afixadas na parte superior da farda - representam as patentes, cursos e missões cumpridas pelo oficial

FUZIL

Se não está com o recruta, fica na reserva de armas. Oficiais de patente mais alta podem portar uma pistola

FARDA

Precisa estar sempre limpa, bem passada e sem nenhum rasgão. E os coturnos, limpos e engraxados

Você também pode gostar de:

Fechar