Mundo Estranho

Quais são e para que servem os fluidos e as secreções do corpo humano?

Primeiro, vale a pena definir a diferença entre eles. "Fluidos são aquelas substâncias que estão permanentemente no corpo e cuja produção não depende de estímulos externos", afirma a bióloga Silvia Cristina Ribeiro de Souza, da Universidade de São Paulo (USP). É o caso do sangue, do fluido que protege o cérebro e a medula espinhal e do que lubrifica as articulações. "Já as secreções são produzidas de acordo com a demanda", diz o clínico-geral Arnaldo Litchenstein, do Hospital das Clínicas de São Paulo. Um bom exemplo é a saliva, que é produzida mais intensamente quando mastigamos. Já a lágrima é secretada em maior quantidade quando choramos ou quando algo irrita os olhos.

Fluidos em vermelho secreções em azul

LÁGRIMA

Produzida pelas glândulas lacrimais, sua principal função é manter os olhos úmidos, bem lubrificados, e protegê-los de bactérias e corpos estranhos. Um adulto produz cerca de 1 a 2 litros de lágrima por dia

LÍQUIDO CEREBROSPINAL OU CEFALORRAQUIDIANO

É o fluido, filtrado do plasma do sangue, que banha as estruturas do sistema nervoso central (o cérebro e a medula espinhal). Ele protege esses tecidos nobres e muito sensíveis das variações na composição do plasma e do sangue - devido a fatores externos, como toxinas, por exemplo

SALIVA

Das quatro secreções responsáveis pela digestão, a saliva é a primeira a entrar em ação. Sua acidez ajuda na decomposição inicial dos alimentos

MUCO

Produzido por células na árvore respiratória (traquéia e brônquios), tem a função de proteger e lubrificar todo o sistema respiratório. As partículas que entram junto com o ar quando respiramos grudam nesse muco, depois expelido pela garganta e pelo nariz

SUCO GÁSTRICO

É a segunda secreção digestiva. Uma vez dentro do estômago, o alimento recebe um banho de suco gástrico, que tem a função de quebrar os alimentos em partículas pequenas

URINA

Resultado dos líquidos filtrados pelos rins, ela elimina tudo aquilo que não serviu para o organismo e pode ser solúvel em água. O mínimo que um adulto produz é 0,5 litro por dia, mas o normal é de 2 a 3 litros

SUCO PANCREÁTICO

Espesso e translúcido, ele executa a terceira etapa da digestão e transforma as partículas dos alimentos - já quebradas no estômago pelo suco gástrico - em partículas ainda menores

LEITE

Sua função, obviamente, é alimentar os bebês. Em sua composição estão todos os nutrientes necessários para a criança, sendo que muitos pediatras não recomendam sequer a ingestão de água enquanto a mãe estiver produzindo leite

BÍLIS

Produzida pelo fígado e armazenada na vesícula biliar, sua função é cooperar com o suco pancreático na digestão dos alimentos

SÊMEN

É o transporte que os espermatozóides usam para se locomoverem e sobreviverem à jornada em busca do óvulo

SANGUE

Produzido pela medula óssea, é o grande meio de transporte de nutrientes vitais e de tudo aquilo que precisa ser eliminado (pois carrega impurezas até os rins, que funcionam como um filtro). A parte líquida do sangue - seu fluido propriamente dito - é chamada de plasma. Um adulto tem cerca de 5 a 6 litros de sangue no corpo

SECREÇÃO VAGINAL

Protege a mucosa vaginal e a lubrifica, garantido sua umidade e a sensibilidade de suas paredes, além de facilitar a penetração

LÍQUIDO SINOVIAL

É o fluido que serve como óleo para lubrificar nossas articulações. Ele é produzido por células das cartilagens que se encontram entre os ossos

LINFA OU LÍQUIDO LINFÁTICO

O sangue circula pelo sistema vascular. Quando se acumula nas extremidades do corpo, parte do seu plasma (a parte líquida) acaba por escapar pelas paredes do sistema vascular e se acumula nos tecidos em volta. O sistema linfático drena o plasma e o repõe no sangue. A linfa, além de carregar o plasma de volta, carrega também células do sistema imunológico

SUOR

Sua principal função é o controle da temperatura do corpo. Se estiver muito calor, o suor resfria a pele. Além disso, pode eliminar algumas substâncias - o álcool, por exemplo

Você também pode gostar de:

Fechar