Mundo Estranho

Quais são os dez maiores animais marinhos?

por Yuri Vasconcelos | Edição 57

Quem lidera esta lista é a baleia-azul, com mais de 30 metros de comprimento, mas seguida de perto (acredite!) por uma gigantesca água-viva! Esses dois grandalhões estão entre os maiores animais que já habitaram os oceanos da Terra em todos os tempos. Para se ter uma idéia, um dos répteis marinhos mais terríveis da época dos dinossauros, o liopleurodonte, media "apenas" 25 metros. Hoje, as várias espécies de baleias dominariam quase que totalmente uma lista com as dez maiores espécies dos oceanos. Porém, na lista que você confere abaixo, apresentamos apenas a maior espécie de cada grupo animal marinho - baleias, peixes, moluscos, répteis, entre outros. Assim, dá para ter uma idéia mais geral de todos os tipos de grandes feras que habitam os mares do planeta.

Pódio das baleias Confira quais são as três maiores espécies

Baleia-azul (Balaenoptera musculus)

30 metros

Baleia Fin (Balaenoptera physalus)

22 metros

Baleia Fin (Balaenoptera physalus)

22 metros

Oceano assustador Lula gigante, água-viva monstruosa e até um crocodilo estão entre os maiorais

1. BALEIA-AZUL - 30 metros

NOME CIENTÍFICO - Balaenoptera musculus

ONDE VIVE - Em todos os oceanos

Com 150 toneladas e cerca de 30 metros de comprimento, a baleia-azul foi duramente caçada na primeira metade do século 20. Por isso, até hoje ainda é considerada uma espécie ameaçada de extinção

2. ÁGUA-VIVA JUBA-DE-LEÃO - 30 metros

NOME CIENTÍFICO - Cyanea arctica

ONDE VIVE - Atlântico Norte

Essa água-viva tem "apenas" 2 metros de diâmetro, mas seus tentáculos atingem 30 metros, a altura de um prédio de dez andares! Ela até pode assustar pelo tamanho, mas não é das águas-vivas mais perigosas. A espécie vespa-do-mar (Chinorex fleckeri), por exemplo, é muito mais letal

3. TUBARÃO-BALEIA - 18 metros

NOME CIENTÍFICO - Rhincodon typus

ONDE VIVE - Mares temperados e quentes

Dentro do grupo dos peixes, o tubarão-baleia é o número 1, podendo chegar a ser três vezes maior que o temido tubarão-branco. Apesar do tamanho, é inofensivo para os seres humanos — ele se alimenta de plâncton, pequenos peixes e lulas

4. LULA COLOSSAL - 13 metros

NOME CIENTÍFICO - Mesonychoteuthis hamiltoni

ONDE VIVE - Antártida

A maioral entre os moluscos marinhos só foi descoberta em 1925, quando tentáculos dela foram encontrados no estômago de uma baleia cachalote. É rara de ser vista pois vive em profundidades abissais. Outra lula, a gigante-do-Pacífico (Architeuthis sp.) também pode chegar aos 13 metros

5. ORCA - 8 metros

NOME CIENTÍFICO - Orcinus orca

ONDE VIVE - Em todos os oceanos

Apesar de ser conhecida como "baleia assassina", a orca é, na verdade, um golfinho - o maior deles. Ela recebeu esse apelido por seu tamanho avantajado e por ser uma voraz predadora que caça pingüins, focas, leões-marinhos, peixes e até outros golfinhos

6. CROCODILO-POROSO - 7 metros

NOME CIENTÍFICO - Crocodylus porosus

ONDE VIVE - Oceano Índico

Por viver em rios e pântanos, o crocodilo-poroso não é um bicho exclusivamente marinho, mas ele é visto com muita freqüência em águas rasas de mares — por isso é chamado também de crocodilo-marinho. É o maior réptil encontrado em água salgada

7. ELEFANTE-MARINHO - 6,5 metros

NOME CIENTÍFICO - Mirounga SP.

ONDE VIVE - Pacífico Norte (região da Califórnia) e Antártida

O elefante-marinho é o maior animal entre os mamíferos aquáticos pinípedes — grupo que inclui as focas e as morsas. Os machos da espécie podem pesar 3,5 toneladas e são agressivos. Na hora do rango, adoram caçar peixes, lulas e polvos

8. SERPENTE MARINHA - 2,5 metros

NOME CIENTÍFICO - Laticauda semifasciata

ONDE VIVE - Mares do Sudeste Asiático e da Austrália

Existem 61 tipos de serpentes marinhas no mundo, sendo que esta espécie é uma das maiores. Seu veneno chega a ser mais poderoso do que o de cobras terrestres!

9. TARTARUGA-DE-COURO - 2,1 metros

NOME CIENTÍFICO - Dermochelys coriacea

ONDE VIVE - Mares tropicais

Maior das tartarugas-marinhas, ela pode pesar mais de 500 quilos e acredita-se que tenha surgido no planeta há mais de 1 milhão de anos. Capaz de mergulhar a 1 200 metros de profundidade, ela faz longas travessias oceânicas e só volta à costa para colocar seus ovos

10. ESTRELA-DO-MAR - 1 metro

NOME CIENTÍFICO - Evasterias echinosomo

ONDE VIVE - Pacífico Norte

Com 96 centímetros de diâmetro (maior do que o seu braço!), um exemplar dessa estrela-do-mar foi encontrado no fundo do oceano Pacífico em 1986. Existem quase 2 mil espécies desse invertebrado no mundo, mas quase todas são bem menores — têm de 20 a 30 centímetros em média

Você também pode gostar de:

Fechar