Mundo Estranho

Qual é o maior teatro do mundo?

Se a gente considerar a capacidade de público, o grande campeão é o Renmin Dahuitagn, em Pequim, na China. Atendendo pelo pomposo nome de "Edifício Nacional de Encontro do Povo", esse megateatro construído em 1959 consegue abrigar até 10 mil pessoas, um recorde nos dias de hoje. Mas, se a gente levar em conta a área total, o maior teatro do mundo é um enorme palco a céu aberto em pleno Nordeste brasileiro. Estamos falando da Cidade-Teatro de Fazenda Nova, no interior de Pernambuco. Essa megaconstrução de 100 mil metros quadrados é o palco para a encenação anual da Paixão de Cristo, um espetáculo que neste ano será apresentado entre 19 e 26 de março. A julgar pelo público dos últimos anos, a temporada de 2005 promete ser bem concorrida. Os organizadores esperam que 8 mil pessoas assistam a cada uma das apresentações. Idealizada e construída pelo produtor cultural gaúcho Plínio Pacheco, a Cidade-Teatro ficou pronta em 1968, representando uma réplica parcial da cidade de Jerusalém no século 1. Os números da peça são tão astronômicos quanto as dimensões do teatro. Para tornar possível as apresentações anuais da Paixão de Cristo, entra em ação uma equipe técnica de 400 pessoas, além de cerca de 500 atores e figurantes. A peça custa aproximadamente 2 milhões de reais, metade gasta na produção e metade com publicidade. A Cidade-Teatro sedia ainda um outro espetáculo, Noite Feliz - Nascimento de Jesus, encenado em dezembro. No resto do ano, o lugar continua aberto e serve de cenário à Pousada da Paixão, uma hospedaria temática ambientada na Antiguidade. A sauna são as "termas de Herodes", o salão de jogos é a "arena dos centuriões", o restaurante se chama "recanto da ceia", e assim por diante.

Mergulhe nessa

Na Internet:

www.novajerusalem.com.br

Campeão celestial Teatro da peça Paixão de Cristo é líder em área

VOCÊ FAZ O SHOW

O ingresso para cada apresentação da Paixão de Cristo custa entre 25 e 40 reais. Quem quiser dar uma de astro pode comprar um pacote que dá direito à hospedagem na Cidade-Teatro e a atuar como figurante numa das cenas

LAVO MINHAS MÃOS

Neste palco é encenado o fórum de Pilatos, passagem bíblica em que o povo de Jerusalém pede a morte de Jesus e a libertação do criminoso Barrabás. O romano Pilatos atende à multidão, numa cena de 25 minutos que envolve mais de cem figurantes

PAREDÃO ANTIGO

A Cidade-Teatro é toda cercada por um muro de pedra. A idéia era ser fiel à Jerusalém do século 1, que também era murada — além, claro, de manter os penetras à distância. A imponente muralha de 3,5 quilômetros de extensão tem 70 torres de 7 metros de altura

CIDADE DIVINA

A Cidade-Teatro tem uma área equivalente a um terço da área murada da cidade de Jerusalém nos tempos de Jesus. São 100 mil m2 que abrigam os nove palcos da Paixão de Cristo, lanchonete, banheiros, posto médico e uma pousada com 40 apartamentos

CAMINHO DA CRUZ

A via crúcis é uma das passagens mais comoventes da peça. Enquanto Jesus carrega sua cruz, o público na Cidade-Teatro segue atrás. São 8 mil pessoas acompanhando o martírio até o Monte Calvário, onde Jesus é pregado na cruz

MALHAÇÃO TEATRAL

Ao contrário de um teatro comum, na Cidade-Teatro é o público quem troca de palco. No final de cada ato, cerca de 200 assistentes indicam o caminho. Em cerca de três horas de peça, a platéia anda em média 2,5 quilômetros

REINO DO CÉU

Depois de morto, Jesus ascende aos céus: é a ressurreição. Nessa cena, o grande destaque é o som: 280 caixas acústicas com potência de 154 mil watts tocam uma trilha que anuncia a vitória sobre a morte — e o fim do espetáculo

MORTE ILUMINADA

Para representar a cena-chave da peça, a crucificação de Jesus, a produção capricha nos efeitos de luz para aumentar o efeito dramático, criando o realismo da crucificação. Ao todo, a Cidade-Teatro conta com 860 refletores para iluminar os palcos

Você também pode gostar de:

Fechar