Logo ME

Por que certos alimentos são ardidos ou refrescantes?

Kerala_spicy_Fish_Curry (1)

LEIA MAIS

– Qual a pimenta mais ardida do mundo?

– Por que a primenta arde?

Por mais diferentes que sejam, as sensações provocadas por um prato apimentado e por uma bala de menta têm a mesma origem. Isso porque a mucosa da boca e a língua possuem milhares de nervos sensíveis à dor: os nocireceptores. Quando se queima ou se espeta a língua, esses nervos são acionados e enviam para o cérebro a sensação de dor. Nesses dois casos, a origem da dor é física. Acontece que certos alimentos contêm substâncias que também estimulam os nocireceptores – só que por uma reação química. As mais conhecidas dessas substâncias são justamente a capsaicina, presente nas pimentas, e o mentol, encontrado nas várias espécies de menta e hortelã. “Quando adicionado aos alimentos ou ao cigarro, o mentol entra em contato com os nocireceptores da boca, promovendo uma sensação de frio que consideramos refrescante. Da mesma forma, a capsaicina da pimenta provoca um ardor apreciado por muitas pessoas”, diz a neurofisiologista Débora Fior Chadi, da Universidade de São Paulo (USP).

Só não vá exagerar. Um prato muito apimentado pode causar lacrimejamento, salivação excessiva, e muita, muita dor.