Logo ME

Fóssil de camelo é encontrado no ártico

Sim, no ártico canadense!

Estranho, né?

Outros indícios da presença de camelos já foram encontrados no norte do planeta. Mas não TÃO ao norte. Essa descoberta bateu o recorde anterior com 1.200 km de diferença!

Mas por que cargas d’água um camelo iria pra lá?

Na verdade, é possível que eles tenham passado bastante tempo lá em cima. Os camelos são originários da América do Norte (aprox. 45 milhões de anos atrás) e foram para a Eurásia há 7 milhões através do estreito de Bering [A].

O curioso é que algumas das características que tanto ajudam os camelos nos desertos escaldantes podem ter surgido por causa das frias paisagens do ártico. Os pés largos que ajudam a andar na areia, também ajudariam na neve. Os olhos grandes podem ter sido resultado das longuíssimas noites do norte do globo. Sua corcova (que não armazena água, mas gordura!) pode ter sido bastante útil nos longos invernos.

Um diferencial da espécie da época para seus descendentes atuais é que ela era 30% maior – tinha 2,7 m do pé ao “ombro”.

Se continuar assim, a gente vai acabar achando fóssil de panda no Mato Grosso e de Tucano na China. Vamos acompanhar.

 

Via: BBC News e Discovery News.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s