Logo ME

Os 5 livros mais assustadores de Stephen King

Mariana

Um dos autores mais conhecidos do mundo, Stephen King já escreveu mais de 50 romances e centenas de contos, roteiros e outros trabalhos. Muitos deles lidam o sobrenatural, a morte e o medo, além de problemas mais mundanos, como o alcoolismo e o abandono.

Não li todos os livros dele, mas conheço (e sou fã de) boa parte de sua obra. Essa é a minha lista dos cinco livros mais assustadores do mestre, sem ordem específica. Qual é a sua?

Divulgação
Divulgação

1) O Iluminado

Lançada em 1977, é uma das obras mais conhecidas de King. A trama conta a história de Jack Torrance, um escritor alcoólatra que se muda com a família para o hotel Overlook, isolado nas montanhas, durante a temporada de inverno. O menino Danny possui habilidades mentais que permitem que ele veja o passado perturbador do hotel… além de conversar com seu próprio dedo indicador.

Após ficarem presos no hotel por conta de uma nevasca, Jack passa a ser possuído pelo hotel (isso mesmo), o que faz com que ele tenha bloqueios criativos e fique agressivo. Aos poucos, o hotel vai manifestando sua presença e perturbando a mente de Jack, que acaba ganhando tendências homicidas.

Edição mais recente no Brasil: Editora Suma de Letras, 2012

Divulgação
Divulgação

2) O Cemitério

O jovem médico Louis Creed, sua esposa Rachel e os filhos Ellie e Gage, mais o gato Church, se mudam para uma casa nos arredores de Ludlow. Nos fundos dessa casa, há um cemitério onde gerações de crianças enterraram seus animais de estimação.

A partir do momento em que a família coloca os pés no lugar, começa uma onda de má sorte, que inclui joelhos ralados em uma queda de um balanço e picadas de abelhas. Nesse meio tempo, eles conhecem Jud, o vizinho, que acaba se tornando um grande amigo de Louis.

Entre vários acontecimentos estranhos, a família acaba descobrindo que, nos fundos da propriedade, encontra-se um segundo cemitério. Segundo a lenda, esse lugar maligno é responsável por trazer de volta à vida tudo que é enterrado em suas terras.

Edição mais recente no Brasil: Editora Suma de Letras, 2006

Divulgação
Divulgação

3) A Metade Negra

Thad Beaumont é um escritor alcoólatra que vive em Ludlow, no Maine. Thad só consegue obter sucesso com seus livros quando escreve usando o pseudônimo de George Stark. Quando o escritor decide não escrever mais usando o pseudônimo, ele e sua esposa arranjam um funeral de mentirinha para Stark.

Mesmo com o enterro simbólico, Thad e George Stark ainda possuem um vinculo muito grande e passam a dividir a mesma mente. Thad acaba se tornando a metade boa e Stark, a metade negra.

A história do livro é baseada na lenda do “doppleganger” presente no folclore alemão. A lenda defende a existência de uma cópia perfeita para cada pessoa na Terra, que existe apenas para fazer da vida da pessoa original um inferno.

Edição mais recente no Brasil: Editora Franciso Alves, 1991

Divulgação
Divulgação

4) It, A Coisa

A história se passa em Derry, uma pequena cidade do Maine. Os amigos Stan, Billy, Richie, Mike, Eddie, Ben e Beverly (a única garota no grupo) enfrentam Pennywise pela primeira vez em suas vidas quando crianças. Pennywise é uma criatura sanguinária que se esconde por trás de uma aparência de palhaço e desperta em intervalos de 25 a 30 anos com o objetivo de devorar crianças, consideradas presas mais vulneráveis por seus medos serem mais fáceis de tomar forma.

Depois de quase 30 anos, os amigos se reencontram para uma nova batalha com “a Coisa”’, que é como chamam Pennywise. A batalha é anunciada por Mike, o único que permanece em Derry e que se encontra na obrigação de reunir todos novamente para cumprirem a promessa que foi selada com sangue quase três décadas atrás. Nessa batalha, os amigos acabam tendo que deixar de lado seus medos e os problemas da vida adulta.

Edição mais recente no Brasil: Editora Suma de Letras, 2014

Divulgação
Divulgação

5) Carrie, A Estranha

Primeiro livro publicado do autor. O tomo conta a história de Carrie White, filha da cristã fervorosa Margaret White. Carrie foi educada com rigidez, sendo constantemente alertada pela sua mãe sobre a ida ao inferno daqueles que não obedecessem as leis divinas.

Carrie se fecha em seu próprio mundo por conta de sua mãe e do constante preconceito que sofre na escola – causado pela sua aparência e seu jeito atípico de se comportar.

A garota descobre que tem poderes de telecinese e passa a associar acontecimentos da sua infância com seus poderes, como uma chuva de pedras sobre sua casa quando tinha apenas oito anos de idade.

A situação acaba fugindo de seu controle (ou entrando em seu controle, dependendo da forma como você vê) na noite da festa de formatura do colégio. Colegas recalcadas armam uma cilada para Carrie, que se deixa consumir pela raiva e, finalmente, se permite explodir sem se importar com as consequências.

Edição mais recente no Brasil: Editora Suma de Letras, 2013

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s