Logo ME

O que era dito em “africano” na música de “O Rei Leão”?

O que queria dizer aquele cântico no início do filme? E o que significavam os nomes dos personagens?

“O Ciclo Sem Fim”, traduzido do zulu para português

Nants ingonyama bagithi baba

(“Aí vem um leão, pai”)

Sithi uhm ingonyama

(“Oh, sim, é um leão”)

Nants ingonyama bagithi baba

(“Aí vem um leão, pai”)

Sithi uhm ingonyama

(“Oh, sim, é um leão”)

Ingonyama

(“É um leão”)

Siyo Nqoba

(“Nós vamos conquistar”)

Ingonyama Ingonyama nengw’enamabala

(“Um leão e um leopardo vêm a este lugar aberto”)

O ritmo da África

A voz que você ouve nessa clássica abertura, no início de “O Ciclo sem Fim”, é do cantor e compositor sul-africano Lebo M. A pedido do compositor Hans Zimmer, ele também criou e conduziu o coral africano que canta em diversos pontos da trilha sonora. Depois, ainda colaborou com a adaptação do filme para o teatro e com o DVD O Rei Leão II

Não precisa de mais nada

Originalmente, o roteiro dessa cena inicial alternava entre música e trechos de diálogo. As falas serviriam para explicar por que (e para onde) os animais estavam se movendo. Mas, ao verem uma versão editada apenas com a música, os diretores Rob Minkoff e Roger Allers perceberam que, mesmo sem as falas, ela já era perfeitinha, autoexplicativa… e emocionante

Rei Leão

Traduzindo o nome dos personagens

1) Rafiki (suaíli): amigo

2) Shenzi (suaíli):mal-educado

3) Scar (inglês): cicatriz

4) Simba (suaíli): leão

5) Nala (somali): nós

6) Sarabi (suaíli): miragem

7) Pumbaa (suaíli): simplório

LEIA MAIS

– Como se traduz um título de filme?

– O que é a Teoria Disney?

– Qual o desenho animado mais importante da História?

– Qual é o maior felino do mundo?