Logo ME

Megainfográfico: como é o corpo de um cachorro

84% do nosso DNA é semelhante ao do bicho - saiba como funcionam seu corpo, seus sentidos e até suas lambidas

Esta reportagem, publicada em setembro de 2015 na edição 171 de MUNDO ESTRANHO, foi premiada com o Award of Excellence no 37ºprêmio The Best of News Design, realizado pela Society for News Design (SND).

o corpo do cão1

cães - cabeça ILUSTRAS: Alexandre Jubran

1) ESQUELETO

As raças variam muito em forma e tamanho, mas os cães têm todos a mesma estrutura óssea geral. O esqueleto se divide em duas partes: o apendicular e o axial. O primeiro inclui as patas dianteiras e traseiras e os quadris, enquanto o axial inclui a cabeça, a coluna, a cauda e o tórax.O sistema ósseo canino permite o giro da cabeça em 220º

2) CORAÇÃO

Assim como o humano, o coração canino tem quatro cavidades: dois átrios e dois ventrículos. O sangue entra no átrio direito e viaja para o ventrículo direito, que bombeia o fluido aos pulmões. A partir daí, o sangue regressa ao átrio esquerdo e em seguida para o ventrículo esquerdo, de onde é bombeado ao resto do corpo

Curiosidade:A maioria dos cães pode aprender 165 palavras, incluindo sinais e gestos. O border collie consegue até 250

3) ESTÔMAGO

O volume que o órgão comporta (8 litros) é grande em relação ao tamanho do animal. Isso se deve ao seu regime carnívoro, pois a carne demora mais para ser digerida e, na boca, a mastigação é pouco desenvolvida, o que torna mais lento o trabalho digestivo.Quando o animal ingere comida demais, o baço (órgão do sistema linfático) cede mais espaço ao estômago, que se dilata, evitando problemas

COMO O CÃO BEBE ÁGUA?

o corpo do cão51. O órgão desce com força abaixo do nível da água, fazendo com que o líquido espirre

2. A língua é curvada para trás quando desce, de modo que a quantidade de água espirrada é maior

3. Quando o cão puxa a língua, a água sobe com aceleração até cinco vezes maior que a da gravidade

4. O animal fecha a boca e abocanha a água antes que ela caia de volta

LACTAÇÃO

Durante a lactação, que dura cerca de seis meses, a fêmea produz um volume de leite com até três vezes o seu próprio peso. Às vezes, algumas cadelas não conseguem produzir uma quantidade de leite adequada ou a ninhada é muito numerosa. Nesse caso, o veterinário recomenda a substituição por um leite específico para cães

GALOPE E PATAS

Cães possuem dois tipos de galope: um iniciado com as patas traseiras, parecido com o dos cavalos, e outro iniciado com as patas dianteiras, semelhante ao de grandes felinos. As patas são essenciais no movimento do cão, mas diferem entre as raças: algumas não têm esporão e outras têm dois

o corpo do cão2

CAUDA

O rabo é uma extensão da coluna vertebral, com vértebras e terminações nervosas. Além do equilíbrio, ele ajuda na expressão de sentimentos. Cortar a cauda era uma prática usada para evitar ferimentos de animais em rinhas – atualmente, o ato é proibido no Brasil sem justificativa médica, porque traz malefícios ao animal

o corpo do cão3

REPRODUÇÃO

As fêmeas, como as humanas, nascem com um número determinado de óvulos. Atingem a maturidade sexual entre 6 e 12 meses de vida, dependendo da raça. A gestação dura em média dois meses e gera entre dois e dez filhotes, dependendo do tamanho da fêmea. Geralmente a reprodução ocorre duas vezes no ano e uma cadela pode ter filhotes de pais diferentes em uma mesma ninhada. Cães grudam após o sexo (imagem abaixo) porque a base do pênis incha muito e fica presa na entrada da vagina. É natural – eles se soltam em até 1 hora

o corpo do cão4

Curiosidade: Assim como o ser humano, cães são vítimas de doenças como depressão e Alzheimer, além de problemas do envelhecimento, como cegueira

AUDIÇÃO

Dependendo da raça, um cão consegue ouvir frequências entre 10 Hz e 40 kHz. Em comparação, um humano consegue de 16 Hz a 20 kHz – ou seja, os dogs ouvem sons que a gente não consegue. Também conseguem ouvir a uma distância quatro vezes superior à nossa. Para completar, conseguem detectar a origem do som em apenas seis centésimos de segundo

cães 5 - sentidos - audição

VISÃO

Cães conseguem dividir um segundo em até 80 quadros, ao passo que humanos, apenas 30. Também podem enxergar por um ângulo de visão periférica de cerca de 250º, mais amplo do que o nosso (180º), devido à posição dos olhos, ao lado da cabeça

cães 6 - sentidos - visão

OLFATO

Um cão tem uma média de 220 milhões de células olfativas. Isso significa que seu olfato é até 100 mil vezes mais apurado que o de um ser humano, que tem cerca de 5 milhões.As fendas no focinho são únicas para cada indivíduo, assim como nossas impressões digitais

cães 7 - sentidos - olfato

TATO

As partes do cachorro mais sensíveis ao toque e movimento são as vibrissas, os pelos longos localizados no focinho, nos supercílios, nas orelhas e no queixo. O resto do pelo possui, em sua base, terminações nervosas que formam uma rede, responsável por entender estímulos táteis e térmicos

PALADAR

São cerca de 1,7 mil papilas gustativas espalhadas ao longo da língua. Elas contêm pequenos receptores encarregados de passar a informação do gosto para o cérebro. Os animais podem sentir os sabores doce, salgado, azedo e amargo e ter sabores preferidos

cães 8 - sentidos - paladar

MIL E UMA LAMBIDAS

Excluindo o cérebro, a língua é o órgão que mais tem responsabilidades

– CURADORA DE FERIDAS:O cão usa a língua para se limpar e aliviar a irritação de feridas

– ESTIMULANTE:Cadelas usam a língua para pentear seus filhotes e estimular a excreção, lambendo a área urogenital deles

– RADIADOR:Cães ofegam para liberar calor e não superaquecer. Quatro pares de glândulas salivares levam saliva para a boca. São dois tipos: uma grossa (muco) e outra aquosa (serosa), que mantêm a boca do animal sempre úmida

– APERTO DE MÃO: Lamber as pessoas é uma forma de demonstrar afeto

LEIA AS OUTRAS PARTES DESTA MATÉRIA

A árvore da vida dos cachorros

Quais as diferenças entre o corpo do homem e do cachorro?