Logo ME

Como é a mitologia chinesa?

Deuses têm moral impecável e prezam a disciplina.

Ilustra Dudu Torres
Edição Felipe van Deursen

É milenar e complexa para os que não estão familiarizados. Isso acontece porque ela possui elementos oriundos das três principais religiões chinesas: o taoísmo, o confucionismo e o budismo. A mistura dessas crenças foi responsável por criar a chamada “religião tradicional chinesa“, que é cheia de sutilezas. Muitos dos mitos envolvem a fundação da cultura e do Estado chinês. Diferentemente dos deuses gregos, os chineses têm uma moral impecável e vivem histórias de vida “classificação livre”. Eles prezam pela engenhosidade e pela disciplina acima da coragem.

VEJA TAMBÉM:
+ Como é a mitologia maia? 
+ Como é a mitologia iorubá? 
+ Como é a mitologia tupi-guarani?
+ Como é a mitologia polinésia? 

 

panku

Criador multiúso
No começo, só havia o caos, do qual surgiu Panku, primeiro ser com consciência. Com um machado, ele dividiu o mundo entre o céu e a terra. Ao morrer, seus olhos viraram o Sol e a Lua, o hálito se tornou o vento e até os parasitas que viviam nele se transformaram nos animais que conhecemos

 

Os três soberanos
Eles deram início à civilização chinesa

nu-wa
Nu Wa sentia falta de alguém para conversar. Usando barro, forjou um humano. Ficou tão feliz que passou a moldar mais pessoas para povoar o mundo. Quando notou que todos morriam, criou o sexo. Assim, os humanos podiam se reproduzir sem que a deusa precisasse trabalhar sem parar

 


fu-xi
Fu Xi, irmão e marido de Nu Wa, foi um importante protetor da raça humana e responsável por mostrar a nós como realizar atividades complexas, como escrever, forjar metais e mapear as estações. Segundo a lenda, ele foi o primeiro imperador da China, reinando de 2852 a.C. a 2737 a.C.

 

shennong
Shennong tem a barriga cristalina, que permite ver o que acontece dentro dela. Ele ajudou os humanos, que não sabiam que plantas eram tóxicas ou não. Experimentou todas e viu como agiam no corpo. Notou funções curativas em várias e, por isso, é o patrono da medicina chinesa

 

Resto da turma
Outros deuses famosos do panteão chinês

 

guan-di
Guan Di
É o deus da guerra. Apesar de sanguinário, fica satisfeito quando a paz reina. Alguns historiadores acreditam que o mito derive de um guerreiro real

 

 

imperador-jade
Imperador de Jade
Considerado por alguns o rei do céu e do inferno. Comanda os Quatro Ao, deuses da água que assumem forma de dragão e manipulam a chuva e o mar

 

yu
Yu
Como em muitas outras mitologias, a chinesa também tem suas versões do dilúvio. Uma das mais famosas mostra o deus engenheiro Yu, que, em vez de uma arca, construiu canais para conter a inundação

 

 

yi
Yi
Antigamente, dez sóis se revezavam para iluminar a Terra. Um dia eles se revoltaram e apareceram juntos, causando secas e mortes. Yi, com seu arco e flecha, destruiu nove sóis, deixando só um

 

 

huang-di
Huang Di
Conhecido como o Imperador Amarelo, tem quatro faces e vê tudo, segundo alguns escritos antigos. Um dos seus maiores feitos foi subir ao céu, provando aos humanos a existência de outro reino

 

 

tsao-chun
Tsao Chun
É comum ver sua imagem em cozinhas. Acredita-se que, no Ano-Novo, ele faz um relatório sobre aquele lar. Por isso, é tradição lambuzar a boca de sua imagem de mel, para ele falar palavras doces

 

LEIA TAMBÉM:
+ Por que a China ocupa o Tibete? 
+ Como foi construída a Muralha da China? 
+ Como funciona a censura na China? 
+ O que foi a Revolução Cultural chinesa?

Consultoria Carmen Seganfredo, pesquisadora e autora do livro As Melhores Histórias da Mitologia Chinesa
Fontes Livros Biographies of Immortals, de Herbert A. Guiles e Frederic H. Balfour, O Paraíso das Aves, de Maria Helena Guedes, Tudo o Que Precisamos Saber, mas Nunca Aprendemos, sobre Mitologia, de Kenneth C. Davis, e Mitos e Lendas Chinesas, de Philip Ardagh