Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Ainda se fabricam máquinas de escrever?

Poucas, mas são fabricadas. Mesmo com toda a revolução da informática, ainda existe mercado para a boa e velha máquina de escrever. O principal motivo é o preço: enquanto um computador novo, com impressora, dificilmente sai por menos de 2 mil reais, uma máquina de escrever eletrônica está sendo vendida no Brasil por 525 reais. […]

Por Redação Mundo Estranho Atualizado em 4 jul 2018, 20h25 - Publicado em 18 abr 2011, 18h53

Poucas, mas são fabricadas. Mesmo com toda a revolução da informática, ainda existe mercado para a boa e velha máquina de escrever. O principal motivo é o preço: enquanto um computador novo, com impressora, dificilmente sai por menos de 2 mil reais, uma máquina de escrever eletrônica está sendo vendida no Brasil por 525 reais. Hoje, o maior mercado para essas quase relíquias são a Índia, a China e os países da África, regiões que têm em comum uma imensa população e poucos recursos. No Brasil, a procura por máquinas de escrever caiu drasticamente.

Há apenas dez anos, eram vendidas cerca de 200 mil unidades por ano. Hoje, a mais tradicional empresa do setor, a Olivetti, vende apenas 3 mil. “Em 2001, paramos de produzir máquinas de escrever mecânicas. Hoje, só vendemos as eletrônicas portáteis, com peças importadas da Olivetti mexicana. O mercado é apenas residual”, diz o gerente de marketing da empresa, Wellington Rodrigues de Souza. Mas, como é preciso se adaptar aos novos tempos, outra empresa, a Facit, após quase falir em 1995, voltou a crescer.

O segredo foi investir nas exportações, principalmente para a África, que rendem à Facit quase 2 milhões de dólares por ano.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)