Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Em que dia da semana foi proclamada a independência do Brasil?

D. Pedro I não esperou a segunda-feira. Mas a Imperatriz Leopoldina já havia iniciado os trabalhos antes.

Por Redação Mundo Estranho Atualizado em 7 set 2021, 08h26 - Publicado em 18 abr 2011, 18h50

Foi numa tarde de sábado. Sabe quando você come um pastel com vinagrete e sente que nada pode estragar seu dia ensolarado, porque amanhã ainda é domingo? Então. Esse era D. Pedro I.

Ou não. Na verdade, ele estava com dor de barriga após comer algo estragado. Mas que foi em um sábado, foi. Às 16h30.

Partindo de Santos, o futuro imperador e sua comitiva galopavam para São Paulo quando o então príncipe-regente do Brasil precisou fazer uma “paradinha estratégica” para se aliviar de um mal-estar. Ele já havia feito uso de diversos matagais ao longo da subida. Todos os arbustos da região com certeza odiavam o novo soberano.

Além disso, “galopando” é uma palavra forte. A comitiva subiu a serra do mar montada em confiáveis mulas; não existiam os impávidos alazões da pintura acima. O padre Belchior, que o acompanhava, descreveu a montaria como “bela besta baia”.

O estadista ainda estava abotoando o uniforme quando recebeu um maço de cartas de Portugal que o deixaram irado: a Coroa pretendia limitar sua autoridade, rebaixando-o a mero delegado da Corte portuguesa no Brasil.

Furioso, ele rasgou as cartas. Mas é quase certo que não gritou “independencia ou morte”. De acordo, novamente, com o relato de padre Belchior, D. Pedro I teria dito: “De hoje em diante estão quebradas as nossas relações. Nada mais quero com o governo português, e proclamo o Brasil, para sempre, separado de Portugual.”

Vale dizer que essa ocasião, que na historiografia tradicional é o marco zero da Independência brasileira, foi só o último passo de uma decisão tomada cinco dias antes pela Imperatriz Leopoldina e o Conselho de Ministros do governo colonial. Mas é essa é uma outra história.

Essa não foi a única data histórica que caiu em um fim de semana. Veja alguns dias célebres abaixo.

Continua após a publicidade

Data: 22 de abril de 1500.
Fato: Chegada dos portugueses ao país.
Dia: domingo.

Data: 13 de maio de 1888.
Fato: Abolição da escravatura.
Dia: domingo.

Data: 15 de novembro de 1889.
Fato: Proclamação da República.
Dia: sexta-feira.

Data: 31 de março de 1964.
Fato: Golpe militar.
Dia: terça-feira.

Data: 24 de agosto de 1954.
Fato: Suicídio de Getúlio Vargas.
Dia: terça-feira.

 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade