Logo ME

Como morreram os 12 apóstolos

Segundo a tradição, só João não foi executado e teve uma morte tranquila

PERGUNTA DO LEITOR Kaique Rossoni, Colatina, ES
ILUSTRA Manga Mecânica
EDIÇÃO Felipe van Deursen

A ciência não conseguiu comprovar se os 12 discípulos de Jesus existiram na forma como são descritos pela Igreja. Os poucos historiadores e bispos que deixaram relatos sobre eles, como Eusébio de Cesareia, autor de História Eclesiástica (séc. 4), têm a credibilidade afetada, pois seus textos tinham a intenção de reforçar a fé cristã, em um tempo em que a religião ainda não tinha dogmas bem definidos, hierarquia estabelecida e poder central estabilizado. Isso só começou a ser desenhado quando o cristianismo virou religião oficial de Roma, em 380. É possível que as biografias dos 12 apóstolos misturem as vidas de vários seguidores de Jesus com elementos ficcionais. Aqui, mostramos a forma como eles morreram segundo a Bíblia ou de acordo com textos dos primeiros séculos do cristianismo.

 

Veja também

 

 

CONSULTORIA Tom Bissel, autor de Apostle: Travels Among the Tombs of the Twelve, e Craig Blomberg, professor de Novo Testamento no Seminário Denver (EUA) e autor de The Historical Reliability of Gospels
FONTES Livro The News Testament: a Historical Introduction to Early Christian Writings, de Bart D. Ehrman; Dissertação A Historical Evaluation Of The Evidence For The Death Of The Apostles As Martyrs for Their Faith, de Sean Joslin McDowell

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!