Logo ME

Qual a diferença entre um ateu e um agnóstico?

Ateus não acreditam em um deus e negam sua existência, enquanto agnósticos afirmam que ele (ou eles) pode ou não existir, mas nós não somos capazes de saber

PERGUNTA Marcelo, Porto Alegre, RS

ILUSTRA Mayra Fernandes

Veja também

Ateus não acreditam em um deus e negam sua existência, enquanto agnósticos afirmam que ele (ou eles) pode ou não existir, mas nós não somos capazes de saber com certeza.

As duas palavras têm origens interessantes: “Em ‘ateu’, ‘A’ é um preposto em grego que significa ‘não’. E ‘Teus’ significa ‘Deus’. Ou seja, ‘nega a Deus’”, explica o teólogo e professor de ciências da religião da PUC-SP Fernando Altemeyer.

Já a palavra “agnóstico”, em grego, significa “desconhecido”. “Agnóstico é todo aquele que não conheceu Deus. A pessoa não nega nem afirma a Sua existência”, afirma o teólogo.

Um agnóstico pode ser ateísta (não consegue provar a existência do deus nem acredita nele) ou teísta (não consegue provar a existência do seu deus, mas admite a possibilidade de ele existir).

Entre os ateus famosos estão o filósofo Friedrich Nietzsche e, entre os agnósticos, o ator Charlie Chaplin.