Logo ME

Quem foi o Sansão da Bíblia?

Ele chegou a matar 30 pessoas só por causa de uma aposta

ILUSTRA Tom Ventre
EDIÇÃO Felipe van Deursen

(Tom Ventre/Mundo Estranho)

LEIA A REPORTAGEM “AS HISTÓRIAS QUE A BÍBLIA NÃO CONTOU”
– Arca de Noé
– Êxodo
– Sansão
– Davi
– Queda de Jerusalém
– Crucificação

O DESPERTAR DA FORÇA
A história de Sansão, o fortão cabeludo, é recheada de mulheres, vingança e carnificina

A profecia
Filho de uma mulher estéril que teve a gravidez anunciada por um anjo, Sansão era um dos juízes da Bíblia, enviado por Deus para livrar os israelitas do pecado. Na época, eles estavam subjugados pelos politeístas filisteus. Sansão se casou com uma filisteia e, na festa, matou 30 pessoas – só por causa de uma aposta. Depois, por vingança, a mulher dele foi morta

Olha a cabeleira
Nervoso, Sansão revidou a morte da esposa assassinando, sozinho, mil filisteus. Sua fama de fortão se espalhou e ele encantou outra filisteia, Dalila. Mas ela o traiu e aceitou 1.100 moedas de prata para descobrir a razão da força do homem. Sem resistir às investidas, Sansão revelou: o cabelo. Dalila aproveitou enquanto ele dormia e cortou sua cabeleira. O herói foi preso e cegado

Terrorista
Os filisteus deram uma festa no templo do deus Dagon, em Gaza, para oferecer um sacrifício, e levaram o prisioneiro Sansão para se divertir às custas dele. Diz a Bíblia que a casa estava lotada de gente do povo e nobres e príncipes (só no telhado eram 3 mil pessoas). Sansão, acorrentado, pediu a um guarda que o colocasse entre duas colunas. Ele pediu ajuda a Deus para se vingar (de novo!) e empurrou as colunas, que sustentavam o templo. O atentado matou todos os presentes, incluindo Sansão

Um leão por dia
Superforça e talentos fantásticos à parte, ainda se suspeita que Sansão tenha existido – ou pelo menos que desde a Antiguidade ele seja um personagem conhecido. Uma moeda do século 11 a. C., encontrada em Israel, mostra um homem lutando com um leão – possível referência ao episódio em que Sansão foi atacado por um leão e o destroçou com as próprias mãos, “como se matasse um cabrito”, segundo a Bíblia

FONTES Bible Archaeology, Biblical Archaeology, British Museum, Jewish Virtual Library, Journal of Archaeological Science, Slinging; livros Bíblia: Uma Biografia, de Karen Armstrong, Bíblia, Deus, Uma Biografia, de Jack Miles, Excavating Jesus, de John Dominic Crossan e Jonathan L. Reed, The Mystic Past, de Thomas L. Thompson, e Jesus, Coleção Para Saber Mais, de Rodrigo Cavalcante e André Chevitarese

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s