Logo ME

Como funciona uma busca personalizada no Google?

Se você estiver logado a uma conta do Google, seus sites favoritos, sua agenda e até seus e-mails trocados serão considerados para criar uma busca personalizada

busca-google

ILUSTRA Pedro Handam

Simples: ele pesquisa o usuário antes de efetuar a busca solicitada. Contanto que você esteja logado a uma conta do Google, seus sites favoritos, os compromissos marcados na sua agenda, e-mails trocados, sua localização geográfica e até o seu perfil nas redes sociais (Google+) serão considerados para criar uma busca personalizada e apresentar resultados mais próximos daquilo que você deseja. Se você buscar por “restaurante japonês”, por exemplo, ele vai usar a sua localização geográfica para que os primeiros resultados sejam de restaurantes perto de você.

+ Quanto tempo levaria para ler todo o conteúdo da internet?

BUSCA MATEMÁTICA

Além de toda essa busca “personalizada”, baseada nas informações do próprio usuário, o Google também conta com uma análise “matemática”. Os algoritmos usam mais de 200 sinais para decidir quais das milhões de páginas e conteúdos são mais (ou menos) relevantes para cada busca. Algumas das coisas que eles analisam:

– Sinônimos para as palavras-chave da pesquisa

– Verificação ortográfica

– Qualidade do conteúdo do site

– Resultados recomendados por pessoas a quem você está conectado

– Quantidade de outros sites que contêm links para o site

– URL e título da página da web

– Grau de atualização do conteúdo do site

ENCICLOPÉDIA AMBULANTE

Você já deve ter se deparado com esta situação: antes mesmo de acabar de escrever “Quantos anos tem o Rodrigo Faro?” na barra de buscas, a página de resultados já mostra um quadro com as principais informações sobre o apresentar – inclusive a idade. É o recursoGráfico de Conhecimento, que mapeia como 570 milhões de coisas no mundo real estão conectadas a 18 bilhões de fatos sobre elas.

+ O Google tem um laboratório secreto?

+ Como funciona o botão “Estou com sorte”, do Google?

DESLIGAR-SE DO GOOGLE: MISSÃO QUASE IMPOSSÍVEL

Estar conectado em uma conta do Google garante, é claro, que as pesquisas sejam mais precisas e personalizadas. No entanto, também permite que várias de suas informações pessoais sejam acessadas pelo buscador. Assim, quem quer ficar totalmente invisível ao Google precisa seguir duas dicas básicas: deslogue-se de todos os serviços Google e faça as pesquisas por meio de navegação anônima. Para acessar a navegação anônima, aperte Ctrl + Shift + P no Firefox e no Internet Explorer, ou Ctrl + Shift + N no Google Chrome.