Logo ME

TV SEM NOÇÃO!

Se você torce o nariz para os programas de sábado à noite da TV aberta, acredite: já foi ao ar coisa muito pior!

HIHIHI… HITLER?!

Programa: Heil Honey, I’m Home!

Inglaterra, 1990

Saiu do ar depois de: 1 episódio

Sabe aquelas sitcoms sobre casais suburbanos que vivem brigando com parentes ou vizinhos, tipo Everybody Loves Raymond? Pois é, esta é quase igual. A diferença é que o casal é ninguém menos que Adolf Hitler e Eva Braun – e os vizinhos são judeus. Difícil imaginar o que passou na cabeça do canal britânico BBC para acreditar que as pessoas se sentiriam à vontade para rir de um dos maiores genocidas da história.

MENORES ABANDONADOS

Programa: Kid Nation

EUA, 2007

Saiu do ar depois de: 13 episódios

Crianças não têm maldade no coração e, se o mundo fosse governado por elas, seria um lugar bem melhor, certo? Era essa a ideia deste programa, que largou 40 crianças entre 8 e 15 anos em uma cidade abandonada no estado americano do Novo México, onde poderiam montar sua própria sociedade… Sem a supervisão de adultos. A criançada se meteu em roubadas como queimaduras e braços quebrados.

HUGO À DISTÂNCIA

Programa: Hurl!

EUA, 2008

Saiu do ar depois de: continua até hoje

O conceito é simples, direto e nojento: quem comer mais e vomitar menos embolsa 5 mil dólares nesta bizarra competição. Originalmente, o programa cobria os jatos com pequenas animações – o que, no mínimo, era incoerente. Depois, sacaram que o público queria mesmo era ver a nojeira, e agora o gorfo vai ao ar sem censura. Além de encarar as piores gororobas produzidas pela humanidade, há provas físicas para estimular o vômito, como montar um touro mecânico.

DANÇOU

Programa: Viva Laughlin

EUA, 2007

Saiu do ar depois de: 2 episódios

Como Hugh Jackman demonstrou no Oscar deste ano, ele sabe soltar a voz. Mas o mundo não estava preparado para esta aberração: uma série no estilo de filmes como Chicago ou Moulin Rouge, em que os personagens saem cantando sem motivo a qualquer momento. Na trama, o eterno Wolverine interpretava o inescrupuloso dono de um cassino. Fracasso imediato de audiência, Viva Laughlin logo foi tirado do ar. E ninguém reclamou.

MÃEZONA TUNADA

Programa: My Mother The Car

EUA, 1965

Saiu do ar depois de: 30 episódios

O conceito desta série é tão absurdo que, para compensar, escolheram um título bem direto. Basicamente, a mãe do protagonista morre e reencarna como um carro antigo! Não tente entender. A velha se comunica com o filho pelo rádio, mas só ele consegue ouvi-la. Em 2002, foi eleito pela revista especializada TV Guide o segundo pior programa de todos os tempos. Só perdeu para The Jerry Springer Show, um telebarraco que inspirou cópias brasileiras comandadas por Ratinho e Marcia Goldschmidt.

IDIOTA AO CUBO

Programa: Rubik, The Amazing Cube

EUA, 1983

Saiu do ar depois de: 12 episódios

Rubik é o nome em inglês do cubo mágico, aquele brinquedo que você tem de girar e torcer até cada face ter uma única cor. Febre nos anos 80, algum espertinho achou que ele renderia um ótimo herói de desenho animado! Em todo episódio, as crianças precisavam montar Rubik para que ele usasse seus “poderes mágicos” contra perigos e ameaças. No final, como em He-Man ou She-Ra, ele aprendia uma lição sobre o valor da amizade ou dos bons modos. Para piorar, a música-tema do desenho era cantada pelos Menudos!