Clique e assine a partir de 8,90/mês

Como é a mitologia tupi-guarani?

A mitologia indígena brasileira é baseada em uma estrutura dos jesuítas

Por Lola Almeida - Atualizado em 4 jul 2018, 20h24 - Publicado em 21 out 2016, 15h05

Ilustra Danyael Lopes
Edição Felipe van Deursen

Baseada em uma estrutura criada pelos jesuítas. O “tupi-guarani” é o termo genérico para um grupo de línguas indígenas da América do Sul. A mitologia dos povos que falavam o tupi-guarani não tinha uma hierarquia bem definida até o contato com os europeus. No processo de catequização empreendido pelos jesuítas, a ideia era primeiro conhecer seus mitos para depois modificá-los e criar paralelos com o cristianismo, o que facilitaria a conversão. Foi o que aconteceu com Tupã, que foi elevado pelos missionários à categoria de divindade principal por se assemelhar a valores cristãos. Outro exemplo é Jurupari, que era mais popular que Tupã antes dos jesuítas, mas que passou a ser visto como o chefe dos demônios e maus espíritos.

VEJA TAMBÉM:
+ Como é a mitologia iorubá?
+ Como é a mitologia maia?
+ Como é a mitologia chinesa?
+ Como é a mitologia polinésia? 

 

Continua após a publicidade

O primeirão
Nhanvecuruçu é a divindade mais antiga, existe desde antes da criação do Universo. Manifesta-se sob a forma de uma energia. Muitas vezes, ele e Tupã são representados como sendo a mesma entidade, pois possuem os mesmos arquétipos

mitologia-tupa
O maioral
Tupã, criador do Universo e deus do clima, se manifesta por meio do trovão. Ele criou a matéria a partir de duas almas, uma negativa e outra positiva. Então, desceu na região do monte Aregúa, no atual Paraguai, e criou tudo o que existe hoje

 

Continua após a publicidade

mitologia-jaci

A criadora
Jaci é a deusa da noite e da Lua. Algumas lendas a apontam como esposa de Tupã e também dizem que ela o ajudou na criação do Universo e dos homens. Jaci foi responsável por trazer a beleza para a Terra recém-criada

 

Continua após a publicidade

mitologia-iara

A rainha das águas
Iara é a protetora de todas as formas de vida aquáticas. Quando Tupã fez os rios, lagos e mares, criou Iara para protegê-los. Em grande parte das narrativas, ela aparece como uma sereia de cabelos verdes que vive no rio Amazonas. Em outras, como um espírito protetor presente em cada rio

 

Continua após a publicidade

mitologia-curupira

O defensor
Caaporã é o protetor de todas as formas de vida da Terra. Muitas vezes representado como Caipora ou Curupira, vive em todas as florestas protegendo os animais dos caçadores, a quem engana com barulhos e pistas erradas

 

Continua após a publicidade

mitologia-casal

Continua após a publicidade

Primeira geração
Tupave (pai dos povos) e Sypave (mãe dos povos) foram os primeiros seres humanos. Tupã fez o homem a partir de uma estátua de barro e a mulher de uma combinação de vários elementos da natureza. Com o sopro de vida, Tupã os deixou com o bem e o mal dentro de cada um. Tupave e Sypave tiveram três filhos e várias filhas

 

Continua após a publicidade

mitologia-tume
mitologia-jepeusa

Segunda geração
Os filhos mais famosos de Tupave e Sypave são Tumé Arandatu, Jepeusá, Mangaratu e Porâzy. Tumé Arandatu era conhecido pela sabedoria. Jepeusá foi um ladrão que se matou e virou um caranguejo
mitologia-mangaratu
Mangaratu era um líder generoso cuja filha, Kerana, foi sequestrada por um mau espírito e teve sete filhos amaldiçoados

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

mitologia-poransi
Porâsy, então, se sacrificou para derrotar os sete monstros e salvar a sobrinha

 

Continua após a publicidade

VEJA TAMBÉM:
+ Quais são os principais deuses gregos?
+ Quem são os titãs da mitologia grega?
+ Gregos e egípcios ainda acreditam nos deuses de sua mitologia?
+ Quais são os principais deuses nórdicos?

Consultoria Marco Antônio Domingues Teixeira, professor de História da Universidade Federal de Rondônia

Continua após a publicidade

 

Publicidade